[FP] Sebastian Verlac Lahey

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Sebastian Verlac Lahey

Mensagem por Sebastian Verlac Lahey em Ter Jul 14, 2015 6:07 pm

Ficha de Personagem


Nome:
Sebastian Verlac Lahey
Progenitor Divino:
Hades
Progenitor Mortal:
Céline Lahey
Local de Nascimento:
Londres - Inglaterra
Idade:
18
Signo:
Peixes






Características Físicas:
Alto com 1,88m, pele clara, olhos claros que muitas vezes chamam atenção e cabelos castanhos, forte e sempre malhando quando tem um tempo livre ou nos finais de semana. Na maior parte do tempo é perfeccionista e muito amigável, às vezes fica frio e calculista quanto ao seus treinos e/ou o que estiver fazendo. Possuí algumas cicatrizes antigas e outras mais recentes por brigas que se meteu defendendo seus amigos. Ele costuma ser simples com suas roupas sem muita moda ou coisas espalhafatosas, mas tem seu estilo certo como cores de blusas, ou que tipo de blusa usar porque mesmo com simplicidade ele consegue ficar bem.

Características Psicológicas:
É um jovem fechado para a maioria das pessoas e um pouco anti-social por muitos fazerem brincadeiras de mau gosto com ele. Ele como filho de Érebo é como muitos filhos de deuses noturnos, sendo um pouco solitário e experiente, pois não é musculoso, grande ou metido como muitos semideuses podem ser e ainda por cima esnobar e humilhar os novatos. Ele é muitas vezes introvertido, reservado, calculista e frio. Independente se é em luta ou não, ele costuma pensar muito antes de agir ou fazer algo, por exemplo, antes de começar uma luta já pensar como lutar e nos possíveis segmentos ou movimentos de ataque. Não costuma falar com ninguém a não ser que seja realmente necessário e conveniente. É extremamente perfeccionista, gosta de fazer tudo sozinho e impecável, mas também pode ser preguiçoso e desleixado, ou seja, ele é bem contraditório por si só. Não costuma se abrir pra qualquer um, mas quando gosta de alguém, ele realmente se entrega a essa amizade ou algo mais. Ele tem um pouco de coragem misturada com burrice porque muitas vezes defende alguns mais fracos de valentões e isso já o encrencou muito.

Habilidades:
Possuí um conhecimento razoável sobre arco e flecha, tanto teórico quanto o prático pelas suas aulas depois de ser adotado, além dos conhecimento básico de esgrima que lhe permitem um bom jogo de pés em uma luta. Possuí uma boa resistência pelos anos malhando na academia com diferentes tipos de exercícios.





História:
Myrah estava trabalhando numa cafeteria e sem querer derrubou alguns copos de cafés velhos em um cliente sentado numa mesa. Ela se desculpou e tentou fazer algo para compensar o erro dela e a chamou para um encontro o que foi bem proposital porque ele morava perto e ela saia em 30 minutos para o almoço. Ele saiu para se trocar e retornou na hora do almoço e a levou para um restaurante onde se iniciou uma paixão entre eles. Após dois meses de encontros para se conhecerem, Myrah soube que o - supostos - sobrenome de Hades era o mesmo nome de seu falecido pai e isso era certa infelicidade pelas lembranças do pai morto. Contudo, ela logo esqueceu muitas vezes desse sobrenome, porque Hades era praticamente perfeito pra ela. Eles começaram a namorar quando fizeram 3 meses se encontrando com quase que um encontro por semana e passado um ano de namoro, Hades pediu a mãe de Myrah Lahey em casamento e ela aceitou. Em dois meses eles se casaram porque ambos preferiram casamento só no civil e como seria só pros amigos mais próximos, não tinha o porquê ser na igreja e ter uma festa grande. Após alguns meses, ela teve um bebe que chamou de Sebastian e colocou o sobrenome seu (Lahey) e o de Hades (Verlac). Foram dois anos juntos muito bons, Hades viajava embarcado e vinha 15 dias para casa visitar sua esposa e filho, contudo Myrah adoeceu devido a um AVC sem motivo e Hades deixou seu filho num orfanato com uma foto deles (pai, mãe e o filho) juntos e com um recado dele para seu filho ler no futuro.

Passados oito anos, Sebastian com quase 10 anos estava bem popular no orfanato porque sempre defendia os mais fracos e ficava machucado às vezes e as moças do orfanato quase batiam nele porque ele ia na enfermaria direto por olhos roxo, dente que caiu, mão esfolada por socos, etc. Num certo dia, um diplomata chegou no orfanato pedindo um jovem de doze anos com certas descrições como coragem, ser destemido, defender os oprimidos e ser bem "elétrico". A governanta chamou Sebastian e apresentou o garoto ao homem e ambos ficaram conversando numa sala até que a governanta preocupada entrou e o diplomata chamado Marcus Lightwood disse que o jovem era perfeito e o levou naquele dia mesmo para sua casa. Sebastian é claro pediu por aulas particulares do que lhe interessava no tempo livre fora da escola, como esgrima, musculação e arco e flecha que por alguma razão tinha um talento incrível.

Logo que fizera 17 anos, o mesmo conheceu uma jovem chamada Nicky Castro e ele sentiu algo diferente nela como se tivesse de conhecê-la e assim foi. Se conheceram e viraram amigos o que durou alguns meses apenas. O pai de Nicky se ofereceu como contador pessoal de Marcus porque eles já se conheciam e já que o anterior morreu e ele precisava, o pai de Nicky quis ajudar. Após dois meses de serviço, o pai de Nicky sumiu das vistas de Marcus e os cartões de Marcus começaram a ser recusados e quando foi verificar as contas, as mesmas estavam zeradas e apenas duas pessoas sabiam de todas as contas de Marcus, ele e o pai de Nicky. Marcus teve de começar alguns de seus trabalhos e vender algumas coisas para sair do vermelho de suas contas. Estava sabendo de tudo pelas paredes e apenas fiquei quieto e armei minha vingança sozinho, me aproximando de Nicky com intenção de trair o pai dela também onde quer que ele estivesse.

Passaram-se alguns meses de tentativas e investidas em Nicky para enfim o namoro e logo que firmaram o relacionamento e pediu pro pai a oficialização e benção dele, ele falou com Nicky sobre sua vingança ou parte dela que no caso apenas falou que queria devolver o prejuízo que ele causou ao seu pai adotivo. Nicky concordou e roubou dois quadros da família e os vendeu dividindo o dinheiro entre nós e planejamos fugir, mas antes fui pegar minhas principais coisas em casa. Logo que entre vi Marcus ensanguentado no chão e um dos empregados estava com as mãos pingando sangue. Eu fui até a mesa de chaves perto da porta e peguei a adaga de cortar correspondências tentando usar como defesa contra o empregado. O empregado logo que me viu, fungou o ar tentando sentir algum cheiro especial e ao me ver, ele cresceu e ficou com mais de dois metros, mais forte e feio por sinal e urrou na minha direção. Eu rolei para a direita e engatinhei até Marcus verificando sua morte pelos pulsos e pescoço, o girei no chão e tentei ouvir seu coração e sem querer um papel grudou na minha mão e peguei para ver/ler. Era uma foto de um casal bonito e um bebe nos braços da mulher, no verso dizia:

"Sebastian, sua mãe Myrah Lahey e eu te amamos muito, mas sempre somos o que queremos ser. Sua mãe morreu de um AVC surpresa enquanto estava sentada do lado do seu berço e você segurava um dedo dela enquanto dormia. Sinto muito por ter te deixado no orfanato, mas um dia entenderá que eu como de..(a palavra e um espaço no recado estava com sangue) filhos, mas sempre estarei com você e sua mãe no seu coração.
Com Amor, Hades. "

Lágrimas escorregam um pouco dos meus olhos e descobri sobre meus sobrenomes agora, mas aquilo ainda estava mal contado sobre meu pai. Pensei sobre o assunto, mas o urro do empregado me impediu e quando me virei vi que o mesmo tinha passado pela parede e rolado pela escada de entrada um pouco pelo jardim que ainda tinha umas raízes e folhas nele. Peguei o anel de família de Marcus para ter algo dele, e levantei-me do chão e corri subindo as escadas com muita pressa e derrubei muitas coisas após passar e deixei o caminho com muitos obstáculos pro empregado bombado. Entrei no meu quarto, tranquei a porta, joguei uma estante na frente e peguei minha mochila já colocando roupas, pacotes de biscoitos, a foto dos meus pais e um pouco de dinheiro que era minha reserva durante os anos. Senti-me estranho por estar fazendo isso, mas precisava ser feito agora porque Nicky planejava ir comigo.

Fechei a mochila e a coloquei nas costa pendendo por apenas uma das alças no meu ombro direito e sai do quarto pela porta para o escritório que tinha uma saída de emergência. Fui até a mesa principal, apertei um botão atrás da mesa e em seguida o chão atrás fez um assovio baixo abrindo um alçapão junto do barulho do empregado passando pela porta e caindo no chão pela estante e cadeira que deixei atrás da porta. Abaixei-me, levantei a porta do alçapão e passei por ele e deixei a porta dele cair e desci as escadas o mais rápido que podia. No meio das escadas, tropecei em algo e ouvi um grito de dor e em seguida um empurrão e passei a rolar com alguém pela escada abaixo. Levantei-me com dificuldade e perguntei quem era e ele apenas me disse que conhecia meu pai Hades e digo que era melhor me explicar no caminho o que estava havendo.
Saímos dali por um túnel subterrâneo até uma garagem da casa de praia que tinha um jipe meio empoeirado, mas como sabia dirigir e ele estava funcionando nem liguei. Chamei o garoto que devia ter a minha idade, também tinha cabelos escuros, pele bem mais morena que a minha e olhos mais claros. Um pouco fraquinho comparado a mim e tinha uma faca numa espécie de bainha ou algo assim na cintura. Ele entrou no carro e disse para irmos para o aeroporto e me levaria para um lugar onde seria minha nova casa e poderia conhecer meu pai de verdade.




Treinos:

Missões:

Eventos:




Bênçãos:
Descreva aqui suas bênçãos

Maldições:
Descreva aqui suas maldições

Arsenal:
• Barra de chocolate [15 unidades]

• Espada de Bronze [Inicial]

• Escudo de Bronze [Inicial]

• Armadura de Couro [Inicial]

• Elmo de bronze [Inicial]

• 2 Adaga de Bronze Celestial

• Peitoral de Bronze

• 5 Saco de Ambrosia (200g)

• 5 Cantil de Néctar (200ml)

• 2 Garrafa de água

• 4 Barras de cereal

Infernal - Bastão com alguns detalhes inscritos onde se iguala a altura dos ombros do dono - sendo que o bastão possui 2,2m - dizendo o nome do dono e seu progenitor divino como uma marca do dono. É leve e visualmente parece de madeira comum, mas ao ativado o bastão se torna negro e na ponta uma lamina de ferro estígio aparece, formando assim a foice completa. {Vira um anel} [Classe Livre - Halloween]

Inferium: espada de Ferro Estígio, cuja lâmina possui um fio perfeito. Apenas aqueles ligados ao submundo podem tocá-la devido seu material. [Classe Livre]

Both Sides – Uma katana incomum que permite ao dono mudar o material de sua lamina, de bronze celestial para ferro estígio. Possui um comprimento total de 104 cm e de nagasa 70,5 cm que possui uma leve curvatura como uma tradicional katana. Sua tsuka possui 27 cm com uma tonalidade de preto bem forte pelo sageo ser mais presente na tsuka que a samegawa feita de couro vermelho de arraia revestindo a parte de madeira do cabo, além de aparecer um pouco pelos losangos do sageo na tsuka. Sua saya e a kurikata segue o mesmo estilo de preto proeminente e alguns detalhes em vermelho por toda sua extensão. Há na saya, perto da entrada da espada a kurikata onde se prende o sageo que é um cordão de algodão ou seda como na tsuka, e usado para prender a katana na cintura. [Classe Livre - Filho de Hades]

Escama de Dragão: um bracelete de prata. Quando acionado, o bracelete se transforma em uma manopla que cobre todo o antebraço, tornando-o mais resistente e forte, golpes dados com essa manopla tem sua força ampliada. [Classe A - Missão God Slayer]

Morthals - Dupla de Chakrans de 20 cm, fortes e resistentes. O círculo central é feito de prata e há três locais diferentes nos objetos para que o portador segure com mais facilidade, facilitando também o lançamento das armas. As três lâminas ao redor são feitas de ferro estígio, sendo extremamente afiadas. Sempre voltam ao dono. [Presente de Natal - Brother Romano]

Corte do Inferno – Alabarda de 1,40 metros feita de ferro estígio. Sua lâmina, no estilo machado, tem 30 centímetros de comprimento. É decorado com as cores do fogo negro. Sempre volta para o dono. [Presente de Natal - Rebel]

☪ Grimório ☪ Um pequeno livro de bolso feito de couro negro, com uma fechadura em formato de lua que abre quando o Mago coloca sua mão em cima. Qualquer um que tentar lê-lo não verá nada a não ser páginas em branco. [Presente exclusivo dos Magos de Nyx]

ψ Bidente Escandinavo – Um bidente praticamente normal, mas que possui pequenas ramificações serrilhadass, quase imperceptível. O bidente entra na pele causando um pequeno rasgo, mas quando sai parte a carne como se fosse um rabo de arraia. Volta sempre para o seu dono. [Presente de Natal - Frederico]

Vking - Machado com cabo reto de 55 cm e lâmina única de ferro estígio. O material é o mais leve possível para facilitar os movimentos rápidos e lançamentos que o portador fizer. Exibe uma escritura em grego antigo no cabo em tom vermelho dizendo "A morte pode vir de onde menos se imagina". Sempre retorna ao usuário quando a mesma for perdida ou lançada. [Presente de Natal - Nate]

The Guardian - Broche de aço com detalhes feitos com delicadeza. Na base do broche, a letra S é formada por pequenas esmeraldas e embaixo lê-se "The Guardian''. [Presente de Natal - Giulietta]

Adagas recurvas: Duas adagas. Uma apropriada para ataque de combate a curta distância, e a outra adaptada para atirar. Ambas são revestidas de bronze celestial, com lâminas recurvas e muito afiadas. O cabo delas apresenta a escritura “Sebs” numa fonte delicada, visível apenas a quem realmente as pega para olhar de perto. Sempre voltam ao dono. [Presente de Natal - Amélia]

Senbons - Conjunto com 28 dessas agulhas compridas e metálicas, usadas como projéteis, tendo um ponto nas duas extremidades. Muitas vezes podem ser usadas em finalidades médicas, para atacar os pontos de acupuntura. Apesar de serem pouco usadas para matar, um usuário com conhecimentos médicos adequados pode usar o Senbon no campo de batalha para incapacitar ou até matar o alvo. [Presente de Natal - Aaron]

Scorpion sting - Besta de repetição feita completamente de Bronze Celestial. A besta possui quarenta e cinco centímetros de comprimento, podendo ser carregada presa nas costas e empunhada com apenas uma mão. Ela possui um cabo de suporte em sua estrutura, sendo ele parecido com o cabo de um fuzil negro. Além do gatilho que é o responsável por disparar os projeteis ao ser pressionado, a arma conta com um tambor, aonde é possível acoplar cinco munições por vez. Por a arma ser semiautomática, após disparar todos os projéteis, é necessário recarrega-la para novamente ser usada. A besta acompanha dez munições, sendo que elas possuem a habilidade de retornar até o seu dono, assim como a arma. O cabo possui desenhos de caveiras esculpidas, junto com a seguinte frase, "Que a picada do escorpião leve muitos servos até seu pai". [Presente de Natal - Trevor]

Phaesphoros – Uma espada longa feita de forma parecida da sua irmã Heosphoros, mas o seu guarda mão é reto e com marcas levemente mais fundas para o dono segurar durante um ataque. Seu pomo feito com ouro negro assim como as linhas do guarda mão dela, e texturizado com a cabeça de um leão. A parte do sulco se assemelha a um tridente, tendo um desenho apontado para o guarda mão, segue outros três em direção oposta de mesmo tamanho e desenhos de ambos os lados. No centro deste sulco de ambos os lados há um gota alongada feita de ferro estígio; no caminho do sulco que procede a lamina há o desenho de uma estrela texturizada em prata dos dois lados. Seguindo o caminho do sulco, já na lamina há uma estrela que seu contorno segue por essa primeira parte da lamina onde uma das pontas desse contorno chega ao limite das curvaturas laterais da laminas semelhantes a letra "C" deitada. Após esse primeiro caminho desenhado, há duas estrelas texturizadas em prata igualmente separadas há um dedo do fio de corte da lamina. Três outras estrelas texturizadas em prata seguindo o meio da lamina; sua lamina propriamente dita é feita de prata negro quase que completamente, mas o fio de corte de ferro estígio deixando a espada com um brilho negro mais suavizado. Do lado oposto as cinco estrelas na lamina, há a inscrição do nome dela "Phaesphoros" que significa "que porta a luz". [Presente de Natal - Carol Angel]


©PJGR - Percy Jackson Gregos e Romanos

-----------------------------------------♦-----------------------------------------


Have you ever met the darkness, because i will introduce it by myself!
avatar
Sebastian Verlac Lahey
Monitores de Chalé
Monitores de Chalé

Mensagens : 213
Data de inscrição : 16/08/2014
Idade : 21

Ficha de Personagem
Nível: 23
Vida (HP):
310/320  (310/320)
Energia (MP):
220/320  (220/320)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Sebastian Verlac Lahey

Mensagem por Ártemis em Ter Jul 14, 2015 7:15 pm

Aprovado
avatar
Ártemis
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 465
Data de inscrição : 10/08/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum